The Great Gatsby: super trilha!

Imagem

Assim como momentos da vida, os filmes também precisam de música para se tornarem especiais, e isso pode ficar ainda melhor se a trilha sonora for HIPER marcante que é o caso de “The Great Gatsby”.

O filme que adapta para as grandes telas pela quinta vez o romance lançado em 1925 por F. Scott Fitzgerald, além de grandes nomes na atuação traz uma trilha sonora arrebatadora (lançada em 7 de maio)  produzida pelo rapper e produtor musical americano Jay-Z. Composta de rítmos como hip hop, pop, e indie rock, conta com Gotye, Florence + The Machine, Lana Del Rey, Beyoncé e André 3000, Will.i.am entre outros. Confira a lista das músicas:

1. Jay-Z: “100$ Bill”
2. Beyoncé and André 3000: Back to Black”
3. will.i.am: “Bang Bang”
4. Fergie, Q-Tip, and GoonRock: “A Little Party Never Killed Nobody (All We Got)”
5. Lana Del Rey: “Young and Beautiful”
6. Bryan Ferry Woth the Bryan Ferry Orchestra: “Love Is the Drug”
7. Florence and the Machine: “Over the Love”
8. Coco O of Quadron: “Where The Wind Blows”
9. Emeli Sandé and the Bryan Ferry Orchestra: “Crazy in Love”
10. The xx: “Together”
11. Gotye: “Hearts a Mess”
12. Jack White: “Love Is Blindness”
13. Nero: “Into the Past”
14. Sia: “Kill and Run”

O longa tem estreia prevista para junho no Brasil. Mais informações sobre filmes e cinema você encontra nos blogs CineConSummus, Colecionador de Movimentos e Película Nacional.

Weyder Ferreira

Anúncios

Pai de Amy Winehouse reprova Beyoncé

Imagem

Um trecho da versão feita de “Back to Black” para a trilha sonora de “O Grande Gatsby” nas vozes de Beyoncé e André 3000 vazou nesta segunda feira (22). O áudio se mostra muito diferente de sua versão original e vem gerando polêmica.

Em entrevista ao jornal Daily Mail, Mitch Winehouse, pai de Amy, morta em 2011, deixou claro que a versão não o agradou e que Beyoncé em nada acrescentou à mesma. Ainda segundo ele, não houve permissão para que regravassem a música, porém, após um valor desconhecido ter sido pago o direito foi concedido.

Clique aqui e ouça o trecho.

Weyder Ferreira